19 outubro 2007

A luz e o túnel

Capela Dias, quer dar luz à Feira e já o estão a esconder.

A estratégia é mandá-lo para vereador, para deixar de aparecer às Assembleias de freguesia.

O artigo dele sobre o desaparecimento do dinheiro da carrinha, para publicar no último número do The Mirror, só hoje apareceu no Digital... 20 dias de molho.

Que mais nos reservarão estas manobras? É o que vamos tentar descobrir.

E o primeiro ponto da investigação é: a luz que Capela Dias vê ao fundo do túnel é a saída, é a iluminação da feira ou é o comboio que vem de frente? Ou será a carrinha que vem de volta?

3 comentários:

Anónimo disse...

Antes do mais, parabéns pela escrita leve, escorreita e inteligente que tem mantido no seu blog.

Depois, serve este comentário para desfazer desde já dúvidas: eu continuarei na Assembleia de Freguesia de Caldelas, posso desde já garantir.

A seu tempo e em lugar próprio, terei oportunidade de repor a verdade.

Não desista. Continue a ofercer-nos a sua ironia saudável.

Cândido Capela Dias

A S A E disse...

Já agora alguem sabe quando é que a ASAE vem ás Taipas fazer uma visita ás Tascas ???

Uma visita mt bem aproveitada certamente seria ao *.*. ********* mais concretamente ao **** *** Café ***** onde se encontra um empregado ********** (até lhe chamam ***** não sei porque?!)um patrao ****** que toma Xanax e logo a seguir se emboracha com cerveja todos os dias, isto ja sem falar das inumeras infraçoes cometidas dia a dia ate chegar a um ponto de estarem a pintar o café por dentro ABERTO com cheiro a tinta , diluente , vernizes etc com pessoas lá dentro á luz do dia sem nenhuma autoridade ter ido lá (vergonhoso)pois claro pensarão voces e mt bem .

Inspector do Cattani disse...

Caro ASAE,

Antes de mais, obrigado pelo comentário.

O meu caro amigo deixou-nos numa situação difícil: as acusações que faz podem ser verdadeiras, o que é incompatível com este blogue de notícias falsas. No entanto, dá-nos matéria para investigação, o que é muito interessante para nós.

Decidimos por isso publicar o seu comentário, substituindo as palavras-chave por uns símbolos (pedimos-lhe encarecidas desculpas por este facto). Vamos também destacar um dos nossos investigadores para seguir as pistas que nos deu. Se tudo se revelar uma mentira pegada, tornaremos a coisa irónica (ou mesmo erótica) e publicaremos. Se isto se revelar verdade, terá mesmo que contactar a ASAE, porque esta caso cairá fora da nossa jurisdição e competências.

Seja como for, agradecemos o seu alerta, esperando que não se confirme, para bem da saúde púbica (pode ser mesmo sem “L”) taipense.

Vá aparecendo.